Notícia

PALAVRA COM O PRESIDENTE – MARINGÁ FAZ A LIÇÃO DE CASA

quinta, 13 de junho de 2019
PALAVRA COM O PRESIDENTE – MARINGÁ FAZ A LIÇÃO DE CASA

Maringá nasceu das mãos cuidadosas de um urbanista, que planejou ruas largas, propriedades com pequenos lotes, praças e parques públicos. A sociedade civil organizada tem mantido esse planejamento, o que torna a cidade uma referência.

No mês passado, mais uma prova da união de esforços: a ACIM e diversas entidades da sociedade civil organizada e classe política, apresentaram ao governador Carlos Massa Ratinho Junior e ao vice-governador, Darci Piana, uma série de pleitos para o desenvolvimento regional. São projetos que vão contribuir com a geração de empregos e tecnologia, desafogar o trânsito e melhorar a segurança pública.

Depois de ouvir as lideranças e ciente da importância desses projetos, o governador autorizou a instalação do parque tecnológico do Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar) em Maringá, a construção dos viadutos de Iguatemi e do trevo do Shopping Catuaí e o envio de viaturas para a polícia militar. Também se comprometeu a aportar os recursos necessários para a continuidade das obras do Hospital da Criança e estudar a redução de alíquota do ICMS sobre o querosene da aviação, para ajudar a aumentar o número de voos comerciais.

A instalação de um parque tecnológico vem ao encontro de consolidar Maringá como um polo de saúde. Aliás, esse setor foi definido como estratégico para o desenvolvimento da cidade até 2047. Essa definição consta no relatório socioeconômico elaborado por uma consultoria internacional e destaca a importância de desenvolver tecnologia e inovação não apenas na saúde, mas em outros setores definidos como estratégicos: educação; intermediação financeira e seguros; e desenvolvimento de sistemas.

A contratação desse estudo e o envolvimento da sociedade organizada para colocar em prática a governança e o plano de ação mostram que Maringá quer continuar pautando sua trajetória no planejamento e desenvolvimento sustentável.

Tanto que esse modelo de planejamento e integração da sociedade civil organizada tem atraído lideranças de dezenas de cidades do Brasil a Maringá. O próprio governador reiterou que pretende criar um conselho de desenvolvimento para o Paraná semelhante ao de Maringá.

Um município tem mais facilidade para atrair consumidores, estudantes para as nossas instituições de ensino superior, pacientes em busca da excelência da saúde e investimentos privados quando a cidade oferece bons índices de segurança e qualidade de vida. É um círculo virtuoso: cidade planejada gera mais negócios e desenvolvimento.

Michel Felippe Soares é presidente da Associação Comercial e Empresarial de Maringá (ACIM)

Fonte: ACIM Maringá